O valor de uma esplanada, novas valorações

Agora que regressamos à possibilidade de frequentar uma esplanada, nos cruzamos (com cuidado) com os amigos, os podemos cumprimentar (com um aceno) e mesmo que dotados de uma máscara de protecção, voltamos a experimentar o sabor das coisas simples, interrompendo um longo exílio de noventa dias.

É da história que João Baptista se isolou no deserto e se alimentou de gafanhotos – o que havia. Nós regressamos devagarinho ao conforto da cadeira, debaixo do sol que nunca nos abandonou como que agradecendo a nossa visita, fugidos que fomos das quatro paredes das nossas casas.

Uma sensação de alívio (contido) que aspira por melhores dias porque mais seguros.

A sensação de conforto que sentimos, a alegria de partilhar o tempo anima as nossas almas e permite-nos olhar para o dia de amanhã com a secreta (escondida) esperança que o ambiente de saúde pública se mantenha contido e nos deixe sonhar com a alegria (prometida) dos dias. Nós merecemos.

Como merecem os nossos filhos e netos, os vizinhos, os amigos e todos aqueles que pelo trabalho não desistem de transformar a nossa terra e fazer crescer as nossas empresas, elas que são criadoras de riqueza e permitem o sustento das famílias.

Regressamos às esplanadas porque queremos reencontrar os caminhos do sucesso, de conquista e da esperança que há em nós de cumprir as nossas ambições e levar o nome da nossa terra a todo o mundo. Como precisamos disso!

No sofrimento que a limitação da liberdade nos causou (causa) aproveitamos para reflectir na vida que somos e já vimos que soluções teremos de enfrentar. Nasceu um “novo normal” e precisamos de perceber o que isso é. Tentemos descobri-lo com a ajuda de todos. Se alguma coisa o Covid nos ensinou é que ninguém se safa sozinho!

Agora que o céu começa a ficar mais azul (como nós gostamos disso!) a Rádio Freamunde deseja-lhe os maiores sucessos na luta que vem aí. E que nos traga um Mundo melhor.

Seja Assinante

Promovemos Freamunde em todo o mundo. ASSINE aqui e, por 25 euros ano, tenha acesso a todos os conteúdos sem limite.

Não excluímos ninguém. Se não pode pagar o valor acima indicado, visite-nos ao sábado entre as 10 e as 12h00, na Rua do Comércio 125, em Freamunde, para encontramos uma solução.